Segunda-feira, 14.09.09

 

 

Finalmente lanço o Very Light!
 
Pois é, depois alguns adiamentos e atrasos inesperados fico feliz por poder finalmente anunciar que este meu Literatura Vey Light vai finalmente ver a luz do dia - bom, alguns exemplares estarão à venda em livrarias mais sombrias e empoeiradas, por favor adquiram-nos também lá para que estes vejam efectivamente a luz do dia.
 
Pode não parecer à primeira vista mas este é um livro feito com muito humor e carinho. Espero que com bem mais do primeiro. É um compêndio com mais de meia centena de textos, dividido por partes e em categorias (em falta de categoria, dirão alguns), onde exponho sem pudores as minhas teorias mais rebuscadas, onde exorcizo alguns demónios de (saias), onde escorro ódios de estimação, paixões, observações,  onde procuro dar resposta a algumas das mais inquietantes dúvidas da humanidade ("Haverá vida inteligente noutros planetas? E Neste?") e onde demonstro com clarividência que entendo muito mais de sexo que o homem comum (por  homem comum entenda-se, por exemplo, o sr. António do café onde eu vou que usa um bigode cheio de sopa, tem uma marreca e não sabe o que são desodorizantes ).
 
Criei este blog há já algum tempo (com a inestimável ajuda do Sapo) no intuito de divulgar o livro, a agenda de promoção e também com o objectivo de actualizar diariamente o que irá acontecendo com a obra e já agora comigo (espero ter boas e humilhantes histórias para partilhar). O blog vai assim começar a cumprir o seu objectivo primordial. Podem também acompanhar as futuras novidades (ao segundo) através do meu Twitter.  
 
Deixo-vos com o press release provisório para saberem um pouco mais sobre este Very Light que promete vir a ser, como o próprio título indica, um acontecimento explosivo na vossa vida. Quem já o leu disse-me - depois de eu lhe pagar - que de tanto rir, até se lhe rebentou o saco das lágrimas.

 

 

 

 

 

 

A Cherry Entertainment convida-o a pasmar-se com este livro tão inteligente como hilariante que vai obrigá-lo a rir do início ao fim.

 

Depois de Leituras de Casa de Banho e Give’ em Five!, Nuno Gervásio lança o seu terceiro livro, Literatura Very Light. Este é um autêntico manual de humor contagiante e uma viagem divertidíssima ao imaginário do autor. Nuno Gervásio Oferece-nos de bandeja temas tão díspares e prazerosos como sexo, alcunhas carinhosas, despedidas de solteiro, pastilhas elásticas e saldos, Soraia Chaves e lavandarias, ou toda uma série de teorias sobre os assuntos mais improváveis e hilariantes. Um livro bem escrito, bem pensado, cuja leitura o obrigará a ficar de sorriso permanente. Ou como lhe dirá qualquer economista bem informado, Literatura Very Light é uma excelente forma de esquecer de vez a crise!

 

 

 

 

 



publicado por Gervásio às 02:12 | link do post | comentar

Sábado, 10.01.09

Um avé ao arrebol

 

   Sim, sim, pode não existir o pecado do lado de baixo do Equador. Mas na Escandinávia as pessoas também não se enrolam menos, nem se sentem mais culpadas por causa disso. A verdade é que tanto o calor como o frio dão tesão. As temperaturas intermédias também. É como a cor da capa do toureiro: é irrelevante. O que irrita o touro é haver ali um homenzinho de lantejoulas aos gritos e saltinhos.

   No entanto, o tesão do calor é indolente; é uma Maria-vai-com-as-outras. O sol bate na braguilha e a ideia logo se forma na cabecinha. Para mais, andamos todos nus e os anúncios têm sempre beldades risonhas e brincar com mangueiras e cerejas.

  Já este frio é amigo de um tesão mais indómito. Criando-se contra os elementos, debaixo de escorregadios edredons, parece rir-se da massa de ar polar que procura cercá-la.  Tem algo de Jack London; das taigas.

     Os enrolanços a  esta  temperatura  produzem o  mais aconchegador  de todos os calorinhos humanos. Levanta-se um pouco a tenda de lençóis e cobertores e é um prazer (e uma recompensa) soltar umas ondinhas do efeito-estufa no seu melhor.

   Onde antes havia só frio e gelo – aqueles plantígrados e ungulados pés com que me alcançaste foram recuperados de algum mamute? – existe agora um quentinho sustentável e amigo do ambiente, a que os ingleses chamam afterflow e a que nós deveríamos chamar arrebol.

   A suadeira pós-enroladeira do Sul e do Verão e do Chico Buarque bem pode esperar.

 

Miguel Esteves Cardoso in Público. 9 Janeiro 2009



publicado por Gervásio às 13:03 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Segunda-feira, 15.12.08

 

Apesar de gostar muito do resultado final da capa do livro (belo trabalho do Ricardo Tadeu), quem olhar para ela não vai perceber imediatamente com o que pode contar nas páginas interiores. Se me permitem, o design da capa tem um misto de kitsch com uma pitada de glamour e um toque de sobriedade de livro de bolso inglês dos anos 50. A parte da sobriedade é que me preocupa. Talvez por isso este livro tem uma contracapa ainda mais maravilhosa. Quem a ler vai começar a perceber o verdadeiro tom do livro. Ai vai, vai.
 
Por favor, click na imagem para o colega de escritório que está a 10 metros de distância também poder ler. Obrigado.

 

 

 



publicado por Gervásio às 18:39 | link do post | comentar | ver comentários (1)

 

É um novo blog e um novo livro.
 
Literatura Very Light, o nome que escolhi. Ou o nome que me escolheu a mim. Fica bem dizer desta maneira. A verdade é queria chamar-lhe Geneticamente Fúteis mas lamentavelmente já alguém se tinha antecipado. Já o título Literatura Very Light tem naturalmente um sentido duplo. Pelo menos é o que me dizem, eu ainda não consegui descobrir. Talvez vocês me possam ajudar.
 
É um regresso. Depois de quase cinco anos no Bidé, senti uma certa saturação de escrever artigos sanitários, o que me fez andar mais ou menos afastado da blogosfera nestes últimos meses. Agora que está pronto e prestes a sair este meu terceiro livro (sim, já por três vezes consegui enganar editoras) achei  oportuno reiniciar na blogosfera um ciclo diferente. Respondo também assim ao apelo dos meus leitores (todos os 5) para que voltasse. Ficam avisados de que chego com imensa vontade de escrever disparates. Aqui darei conta das novidades, iniciativas e percurso desta obra de valor literário incalculável (ainda não sei o preço com IVA). Ao mesmo tempo, tenciono usar esta página para partilhar as minhas teorias de algibeira, as ideias fixas e as ideias soltas que me assombram, as dúvidas existenciais e outros humores. Isto é uma ameaça.
 
Lanço este very light no dia a seguir a um jornalista iraquiano ter lançado um par de botas à cabeça de W. Bush. De facto, esta última visita do ainda presidente americano ao Iraque não correu lá muito bem. Sobretudo, e em minha opinião, porque W. foi demasiado rápido a desviar-se do calçado voador. Espero que não haja aqui um estranho parelelismo cósmico e que este blog tenha mais sucesso, ou como diria a minha querida Princesa Sissi no prefácio, espero que este very light vos acerte em cheio.


publicado por Gervásio às 17:41 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Humores, Ideias Fixas, Ideias Soltas, Dúvidas Existenciais, Teorias de Bolso e Outros Textos Incendiários

Saiba Mais Sobre o Livro
nunogervasio@gmail.com
arquivos

Fevereiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Ligações
tags

actualidade

blog

humor

opinião

twitter

ideias

literatura

sit-down comedy

light

livro

nuno gervásio

very

curiosidades

espectáculo

factos

instituto franco-português

internet

peça

philippe minyana

teatro

acordeão

águas verdes do pacífico

candidatos

carnaval

cartão cidadão

chat

cientificos

cinema

coisas

convite

crítica

declaração

desenvolvimento

discurso

duvidas existenciais

económia

efeitos secundários

el corte ingles

elizabeth

elizabeth e as águas verdes do pacífico

esteves cardoso

fáceis

ferreira leite

garden state

ídolos

inquerito

inventados

jerónimo

jesus

joana amaral dias

júri

kate winslet

lançamento

lista

louçã

luísa ortigoso

luisa ortigoso

maradona

maria dias

maria eduarda dias

messenger

musculação

música

nua

observações

onomatopeia

oscares

parlamento

participantes

partidos

pevides

piadolas

piropos

playboy

político

políticos

portas

post

press release

programa

publicação

ralph fiennes

recessão

regulamento

salazar

scolari

segredos

sexo

silly season

sócrates

supermercado

televisão

the shins

tremoços

tvdesign.org

verão

voce sabia que

xukebox

todas as tags

Subscrever feeds